Landing pages são páginas que podem te ajudar a captar mais clientes e aumentar suas vendas

Landing page é um tipo de página que ajuda na conversão de meros visitantes em leads que podem gerar vendas no futuro.

Sendo assim, é fundamental ter uma boa landing page para conseguir construir o seu negócio dentro do mercado digital.

O que é uma landing page?

Landing pages são páginas autônomas, distintas da sua página inicial ou de qualquer outra página, que servem a um propósito único: a conversão de visitantes em leads. De fato: no marketing digital, uma landing page é  muito importante para construir o relacionamento com o cliente.

Portanto, esse é o início efetivo do funil de vendas. Por isso, é fundamental compreender o que é landing page e suas funções. 

Essencialmente, é o ‘próximo passo’ de um visitante que se interessou na promessa do produto ou da marca, ou seja, o início da jornada de compra.

Portanto, uma landing page permite que você faça uma negociação: ofereça algum tipo de oferta especial, uma informação ou um negócio, em troca de informações de contato do visitante.

Dessa forma, landing pages podem levar a outras páginas, como, por exemplo, o site principal, e-commerce ou seja qual for a modalidade publicada.

Assim, a maioria delas, que tem o propósito de gerar leads, tradicionalmente oferecem itens como e-books, aulas, webinars ou afins em troca do envio de informações.

landing page min

Como funciona a Landing Page?

De fato: as atividades estruturais do marketing digital podem podem ser rusticamente divididas em  três: AdquirirConverter e Manter.

Portanto, a função da landing page pode ser a de interface entre a primeira e a segunda atividade, por conta de seu potencial de conversão. 

Assim, uma conversão ocorre quando um visitante que chegou em uma landing page realiza uma ação desejada e que tem um valor mensurável para sua organização.

Dessa forma, a ação desejada pode ser uma compra, download, preenchimento de formulário ou até mesmo um simples click-through para outra página.

Ainda, as conversões podem ser medidas pela interação com um recurso específico (como uma demonstração de produto) e também por indicadores mais sutis.

Por exemplo: o número de visualizações de página, visitas repetidas e o tempo gasto no site. O ponto principal é que a ação de conversão deve ser rastreável e seu valor calculado ou estimado. 

Para que serve a Landing Page?

Uma dúvida comum que merece explicação é: para que serve a landing page quando o objetivo principal é direcionar os visitantes à página inicial do website principal? 

Embora obter tráfego para o site seja oportuno, é menos provável que uma visita aleatória resulte em conversão, do que o direcionamento efetivo de uma landing page.

Por exemplo: páginas iniciais não só podem conter muitas informações, como também convidam os usuários a navegar em uma variedade de locais diferentes.

Portanto, se um visitante chega à sua página inicial com um objetivo específico em mente, esse objetivo pode se perder durante a consulta de outros serviços e opções de produtos, diferentes do seu propósito inicial. 

Assim, o principal objetivo da página inicial é direcionar os usuários a outras páginas onde encontrarão as informações que desejam.

Dessa forma, Landing Pages eliminam a etapa intermediária e, dependendo da habilidade em sua construção, tornam-se exatamente o destino desejado pelo visitante.

Por fim, se a página inicial do site é generalista,  landing pages são focadas e específicas.

leads

Quais os benefícios da Landing Page?

Uma página bem elaborada deve trabalhar no sentido de convencer o visitante de que vale a pena fornecer detalhes pessoais em troca da oferta.

Dessa forma, elas podem ser encontradas por meio de plataformas de busca e mídias sociais. 

Assim, o uso de landing pages permite que você conclua uma sequência pós-clique mostrando ao visitante que ele chegou no lugar certo. Portanto, é fundamental entender como funciona a landing page.

De fato: as páginas iniciais de websites (principalmente e-commerce) muitas vezes se apresentam um tanto poluídas – volume de informação – e portanto, muitas opções para clicar.

Por outro lado, landing pages deixam muito claro qual o resultado do clique do visitante. Por conta disso, condensam, refinam e melhoram a interação, aumentando assim as chances de conversão

Qual a diferença entre Landing Page e Página de Vendas?

Uma página de vendas geralmente é a mais difícil de criar. Com ela não apenas se prospecta leadsdeve-se convencer os visitantes a comprar.

Portanto, é uma proposta totalmente diferente de uma combinação tradicional e equilibrada entre solicitação e recompensa: a criação da página, desde o copy até o design, requer uma série de conhecimentos sobre o público.

Além disso, o tamanho da página depende muito da oferta e do quanto se precisa dizer, nesse momento, para explicar seu valor aos visitantes.

Ainda, independentemente do volume de informação, é necessário que haja um pitch detalhado, demonstrando claramente esse valor para o visitante, afinal, é o estágio onde se decide – ou não – pela compra.

Dessa forma, fica clara a diferença entre landing page e página de vendas.

shutterstock 1688061943 min

Como fazer uma Landing Page?

Esta página tem como propósito sua finalidade primeira, ou seja, a geração de leads, em geral trabalha com um formulário de captura de dados.

Sendo assim, essas páginas são muito versáteis e costumam ser usadas no momento em que os visitantes estão avaliando suas ofertas.

Dessa forma, devem oferecer a recompensa e apresentar uma solicitação simultaneamente: a recompensa é a oferta específica que você está promovendo para capturar leads e a solicitação são as informações que você pede em seu formulário de dados.

Portanto, a solicitação e a recompensa devem ser bem equilibradas, de forma que sua oferta seja suficiente para garantir que o visitante ofereça em troca seus dados, sabendo que será adicionado à sua lista de contatos.

Ainda, para se testar a efetividade de uma página, deve-se acompanhar de perto a taxa de conversão, que é a porcentagem de visitantes que chegaram à página e realizaram a ação desejada.

Por fim, essa taxa varia amplamente entre diferentes setores e até mesmo entre concorrentes no mesmo setor, mas é importante considerar esses fatores para saber se o objetivo da landing page está sendo realizado.

Devo fazer uma Landing Page?

Devo fazer uma Landing Page

De fato: a menos que uma página (ou o site) seja realmente ineficaz, ela certamente consegue converter alguns indecisos.

No entanto, mesmo com uma landing page extremamente bem elaborada, nunca será possível converter todos os indivíduos do terceiro grupo de uma vez – eles sempre vão apresentar necessidades contraditórias. 

Portanto, atualizações de página que podem influenciar positivamente um determinado indivíduo podem repelir outro.

Então, na melhor das hipóteses, deve-se ter como objetivo converter apenas a maior parte dos indecisos. O restante estará para sempre fora do alcance.

Além disso, é impossível medir com precisão os tamanhos desses grupos, quanto ao desenvolvimento de uma página  de qualidade. O importante é entender que o teto da taxa de conversão real estará sempre abaixo de 100%.

Ainda assim, para quem se questiona dos benefícios da landing page, basta dizer que ela permite a construção de um relacionamento mais profundo com o cliente.

Foi possível entender o funcionamento de uma landing page? Coloque sua dúvida abaixo para que possamos retirá-las!